31 March, 2020

    No futuro, as bebidas podem ser "baixadas" pela Internet

    Recentemente, pesquisadores da Universidade Nacional de Cingapura e do Instituto de Tecnologia da Geórgia apresentaram um método para criar "limonada virtual". Eles têm certeza de que o sabor de diferentes bebidas pode ser transmitido pela Internet e baixado, e no futuro você pode até criar seu próprio "bar virtual" na "nuvem".

    H2O + RGB + pH = Limonada

    Enquanto a tecnologia está sendo testada em limonada. Por exemplo, eles querem te tratar com um copo de refrigerante, mas a pessoa bondosa está em outra cidade ou mesmo em outro continente. Como ser Ele coloca um sensor especial com um sensor de cor RGB e um sensor de acidez de pH em um copo de limonada. Essas informações via Internet entram no seu computador e são baixadas via Bluetooth com uma chave de alternância especial na forma de um copo de água. Um momento - e você já sente um sabor refrescante de limão.

    O segredo é que, em vez de limonada, você bebe água pura. A sensação de "sabor limonada" é dada por eletrodos de prata na borda do vidro, que batem levemente com impulsos a 800 Hz, irritando as papilas gustativas. E o dispositivo de LED na parte inferior da chave seletora organiza um mini-show de luzes, espalhando a cor desejada pela água.

    Essas impressões também serão sobrepostas à expectativa de sabor ao ver um copo de limonada, que os pesquisadores chamam de “pretaste”. É baseado em tonturas e temperatura. Depois de tomar um gole, você acrescenta a essas expectativas sensações já reais de sabor (neste caso, acidez).

    Barra virtual

    Durante o experimento, os pesquisadores tentaram 12 diferentes limonadas reais e virtuais para 13 participantes. A equipe pintou limonadas reais em verde, lamacentas e amarelas com cores de comida insípidas e virtuais com LEDs.

    Foto: shiennyk.com

    Os participantes disseram que as limonadas reais são mais saborosas que as virtuais. Mas, em geral, não havia diferença estatisticamente significante na percepção de diferentes gostos; portanto, os cientistas estão otimistas quanto à possibilidade de teletransportar limonada.

    A equipe espera que essa pesquisa seja o primeiro passo e leve, por exemplo, à expansão das tecnologias de sabor virtual para interações multissensoriais. Em particular, os pesquisadores querem tentar transmitir bebidas fortes pela Internet e também estão considerando a possibilidade de trocar assinaturas digitais de bebidas armazenadas em uma nuvem virtual.

    Assista ao vídeo: O Futuro Pode Ser Bom Se Tiver Bebida (Março 2020).

    Deixe O Seu Comentário